segunda-feira, 16 de setembro de 2013

SEQUÊNCIA DIDÁTICA - ALIMENTAÇÃO E SAÚDE


CMEI – Professor Gil Nunesmaia
Coordenação Pedagógica do segmento creche: Márcia Cruz
Turma: Pré-escola 04 anos
Projetos: Gestão para a saúde: Comer! Comer! Gostosuras que prazer! Pequenos Poetas! Grandes Escritores!
Educadora: Eliana Lino

Proposta de trabalho: Sequencia Didática
Tema: Alimentação e saúde

Objetivos da proposta:
Promover a reeducação alimentar das crianças da pré-escola;
Combater o desperdício dos alimentos na instituição e em casa;
Promover o desenvolvimento de hábitos mais saudáveis quanto à alimentação e à saúde dos pequenos;

1. Ponto de partida: (elemento detonador) Poema: Alimentação saudável
Alimentação Saudável
Para termos saúde
muito leite devemos beber
para termos ainda mais cálcio
queijo e iogurte devemos comer!
Ovos, carne e peixe
alimentos que devemos comer,
dão-nos proteínas
para nos ajudar a desenvolver
Massa, batatas e pão
estão na nossa alimentação
arroz, feijão e grão
devemos comer com moderação.
Marta Oliveira

Fazer a leitura em voz alta do poema para as crianças; chamar a atenção para as rimas presentes;
Conversar na rodinha: Qual o nome do poema? Para eles o que é ter uma alimentação saudável (estigar a conversa sobre o que eles comem? O que gostam de comer? Se é bom ou não para a saúde? Por que?
Falar para as crianças que a instituição desenvolve um projeto chamado: Comer, Comer! Gostosuras que prazer que tem a finalidade de: (apresentar os objetivos da proposta) e que estaremos desenvolvendo muitas atividades que os ajudarão a se alimentar e a cuidar melhor da saúde)

2. Fazer um cartaz ilustrado com o poema (com as crianças) – usando a escrita e desenhos e/ou gravuras relacionadas com as comidas que aparecem no poema – afixa-lo na parede;


3. Linguagem Verbal Oral: Conversa na rodinha:  Como será que estamos nos comportando na hora da alimentação na instituição?

Exibição de vídeo/slids de momentos de alimentação: lanche e almoço na instituição;
Refletindo as cenas do vídeo/slids exibidos:
O que acharam? O que viram é agradável aos olhos? Ao corpo? À instituição?
È correto? Tem que ser assim mesmo? Ou pode ser diferente? Como? Por quê? –  Discutir bastante cada cena com as crianças.


4. O que estamos comendo na instituição? Trabalhar com o cardápio da instituição – colocar o cardápio na cartolina – leitura; discussão dos gostos – listar e fazer uma eleição para ver quais os preferidos pelas crianças dentre os que são servido.


5. Nova leitura do poema: meninos a 1ª estrofe, meninas a 2ª estrofe e assim sucessivamente – falar com as crianças sobre o que são as estrofes de um poema; mostrar, ler, contar;

Produção Coletiva de texto: Acordo coletivo: Mandamentos dos pequenos cidadãos da alimentação (Construir um acordo com as crianças quanto: a higienização das mãos antes das refeições: à ordem e organização das filas na hora do lanche e almoço; na ordem na utilização dos utensílios – pratos e outros; a ordem no self service; à quantidade e qualidade de comida que se deve colocar no prato; da acomodação depois de servir-se (onde sentar, como se comportar à mesa, não deixar restos nos pratos); da devolução dos utensílios à cozinha; do comportamento depois que terminar o lanche ou a refeição (encaminhamento: para onde iremos?)

6. Culinária: escolher uma receita de bolo: de banana, cenoura, aipim, abacaxi, limão, morango (qualquer fruta ou legume) – trabalhar primeiro a receita (ressaltando quanto à tipologia e gênero) e seu uso na sociedade (serve para que?) – ingredientes da receita;
Fazer o bolo com as crianças – explorando as cores, cheiros, texturas e sabores de cada ingrediente, as medidas, quantidades e temperatura (quente, frio, morno);

7. Nova leitura do poema: meninos a 1ª estrofe, meninas a 2ª estrofe e assim sucessivamente: trabalhar só com a 1ª estrofe:

Para termos saúde
muito leite devemos beber
para termos ainda mais cálcio
queijo e iogurte devemos comer!

O que diz essa estrofe?
Quais os alimentos que estão presentes nessa estrofe do poema?
Por que devemos ingeri-los? Em que são ricos?
Obser: antes o professor deverá fazer uma pesquisa sobre: leite, queijo, iogurte e outros derivados – ver vitaminas presentes e em que contribuem para a saúde;
8. No cineminha: Exibição do vídeo: De onde vem o leite? Do Programa TV escola;

Primeiro exibir integralmente – depois ir passando devagarinho e discutindo com as crianças sobre o que descobriram através do vídeo;

9. Linguagem Verbal (oral): Nova leitura do poema: meninos a 1ª estrofe, meninas a 2ª estrofe e assim sucessivamente: trabalhar só com a 1ª estrofe:

10. Linguagem do jogo simbólico: Desenvolvimento da brincadeira da sugestão (Xerox que fora entregue na AC) – Cobra-cega: “Que alimento é esse?”

11. Linguagem Verbal Oral: Conversa na rodinha: Tema: Boas maneiras à mesa (discutir, construir e expor no ambiente)

Construção de lista coeletiva com alguns itens de boas maneiras citados pelas crianças;

12. Linguagem Verbal Oral: Leitura coletiva da 2ª estrofe do poema:

Ovos, carne e peixe
alimentos que devemos comer,
dão-nos proteínas
para nos ajudar a desenvolver

Comer rima com...
Quais os alimentos que aparecem na 2ª estrofe? Quem gosta? Quem não gosta? Por quê?
Qual desses é o nosso preferido?
Construção de gráfico de barras dos três qual o mais preferido pelas crianças;
13. Leitura oral coletiva da parlenda: A galinha do vizinho -
(ler primeiro em voz alta para as crianças, depois fazer a leitura oral coletiva com as crianças – fazer brincando – Explorar os numerais que aparecem na parlenda: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7,8, 9, 10; (quanto à forma, ao nome e relacionar à quantidade usando materiais concretos: 1? = 1 lápis; 4?= 4 caixinhas mostrando o numeral, nome e objetos, (as crianças e você);


14. Linguagem Visual e verbal: Cineminha: De onde vem o ovo? Exibição e discussão;

Linguagem não verbal:
Ilustração – O percurso do ovo até chegar à nossa mesa – Com desenho baseados na exposição do vídeo;

15. Linguagem Culinária – Receita de omelete: Trabalhar a receita (estrutura, ingredientes, medidas, modo de fazer);


Preparar um grande / ou pequenos omeletes com as crianças – degustar

16. Linguagem verbal oral: Carnes também tem cor? Quais as cores das carnes (classificação) Discussão na rodinha – O que são carnes brancas? O que são carnes vermelhas? Quais são as mais recomendadas para a nossa saúde? Porque?

17. Exibição de documentário sobre carnes vermelhas e carnes brancas.

Conversando sobre o vídeo: O que eu vi? O que eu aprendir?


18. Linguagem do jogo simbólico: Brincadeira de roda: De abóbora faz melão, de melão faz melancia;

19. Leitura oral por grupo do poema – alternando entre meninos e meninas;
Brincadeira: cara colorida (vê sugestão entregue na AC);

20. Linguagem matemática: leitura da parlenda: Um, dois, feijão com arroz (ler primeiro em voz alta para as crianças, depois fazer a leitura oral coletiva com as crianças – fazer brincando – Explorar os numerais que aparecem na parlenda: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7,8 (quanto à forma, ao nome e relacionar à quantidade usando materiais concretos: 1? = 1 lápis; 4?= 4 caixinhas mostrando o numeral, nome e objetos, (as crianças e você);

21. Linguagem verbal oral: Nova leitura oral da parlenda pelas crianças:
Trabalhar com as rimas presentes na parlenda: ( no oral e na escrita usando letras móveis);
Um, dois
Feijão com arroz...

22. Leitura oral coletiva da parlenda com as crianças: (com a folha xerografada); pedir para elas circularem os nomes de alimentos que aparecem na parlenda com lápis colorido; depois pedir para citarem quais os nomes de alimentos que aparecem na parlenda e que eles circularam; construir coletivamente a lista na lousa; trabalhar com as palavras da lista uma a uma: Qual a letra inicial? Final? Quais as letras intermediárias? Quantas letras? Quantas sílabas? Que letras usamos para escrevê-las? Usar letras móveis em grupinhos e no individual.
23. Construção de um livreto ilustrado com alimentos como: leite e seus derivados, ovos, peixe, carne, macarrão, batata, pão, feijão, arroz, grãos, etc. o desenho, a ilustração, os nomes, o valor nutricional etc.

Observação: propostas em construção

Um comentário:

Gostou? Comente